A busca pelo Tri!

Compartilhe

Athletico está a um empate de conquistar sua 26° taça do Estadual

O primeiro jogo da final do Campeonato Paranaense foi abaixo do esperado. Na Arena da Baixada, o Furacão marcou um gol nos acréscimos do segundo tempo e saiu em vantagem diante do Coritiba. Agora, o Rubro-negro está a um empate no Couto Pereira para conquistar o tricampeonato paranaense.  Os elencos e comissões técnicas dos dois times realizaram uma nova bateria de exames de Covid-19, mas não divulgaram os resultados.

 

O atacante Guilherme Bissoli é dúvida no rubro-negro para o último jogo da final do paranaense, contra o Coritiba. Substituído no jogo de ida, ele sofreu um edema na coxa esquerda, que não é grave e deve ser reavaliado no dia do jogo.

 

Além do ataque, Dorival também deve mexer na lateral direita. Adriano fica à disposição depois de cumprir suspensão. Ele disputa vaga na lateral com Jonathan e Khellven. Ao todo, Dorival Junior convocou 27 jogadores e terá que fazer quatro cortes até a hora do jogo. Confira os relacionados clicando aqui. 

 

Um provável Athletico tem Santos; Adriano (Jonathan), Thiago Heleno, Lucas Halter e Abner; Wellington, Léo Cittadini e Marquinhos Gabriel; Nikão, Carlos Eduardo e Bissoli (Vitinho).

 

Já o Coritiba que perdeu por 1 a 0, para garantir a taça precisa ganhar por dois gols de diferença. Caso vença por apenas um gol, a decisão vai para os pênaltis. Qualquer placar de empate dá o título ao Athletico.

 

O provável Alviverde terá: Alex Muralha; Patrick Vieira (Natanael), Rhodolfo, Sabino e William Matheus; Nathan Silva, Gabriel e Matheus Galdezani (Matheus Bueno); Rafinha, Igor Jesus e Robson.

 

A finalíssima do Campeonato Paranaense está marcada para 20h de quarta-feira, no Couto Pereira, sem a presença das torcidas devido ao Coronavírus. A partida será transmitida pela DAZN e pela plataforma Furacão Play, exclusiva para sócios do Clube. 

Veja também