Athletico confirma classificação e avança à final do Estadual

Compartilhe

Rubro-negro cadencia o jogo, faz testes no elenco e fica no empate contra o Cascavel

Pelo jogo da volta das semifinais do Campeonato Paranaense, o Furacão confirmou a classificação e garantiu vaga na final. No início da noite desta quarta-feira (29), no estádio Olímpico Regional, o Athletico enfrentou o FC Cascavel e empatou a partida por 0 x 0. Com a vantagem construída no jogo de ida, a classificação ficou com o rubro-negro.

 

Já praticamente garantido na decisão pela vitória de 5×1 no primeiro jogo, na Arena da Baixada, o time de Dorival Júnior buscou cadenciar a partida com as linhas de marcação altas e o controle tático da partida. O treinador atleticano promoveu também alguns testes no elenco.

 

Desfalcado por Thiago Heleno pelo terceiro cartão amarelo e Márcio Azevedo por Covid-19, o Furacão veio a campo no 4-1-4-1 com novidades em relação ao último time. José Ivaldo e Adriano substituindo os desfalques; Bruno Leite e Vitinho nas vagas de Léo Cittadini e o aniversariante Nikão, que foram poupados

 

Primeiro tempo

A partida se inicia aberta, com ambas as equipes jogando ofensivamente mas pecando na tomada de decisão nas jogadas. Aos cinco minutos, o Furacão assusta pela primeira vez com bom lançamento de de Wellington para Vitinho na área, mas interceptado pela zaga do Cascavel.  Até os 20 minutos iniciais, o Athletico segue com mais volume de jogo, mas com baixa intensidade. 

 

O primeiro lance de perigo do Cascavel acontece aos 21, com toque de cabeça de Henrique dentro da área que sai com pouca força e o goleiro Santos encaixa. Aos 26, o time de Dorival tenta assustar novamente com arremate na entrada da área de Vitinho, pra fora. Bruno Leite assusta aos 28, com finalização de calcanhar que passa ao lado da trave. O primeiro tempo, porém, segue pouco intenso, com erros de passe e termina bem cadenciado pelo Athletico.

 

Segundo tempo

O segundo tempo se inicia como terminou o primeiro, com o Furacão procurando cadenciar a partida e criando oportunidades isoladas. Aos três minutos, em cobrança de escanteio de Marquinhos Gabriel, Erick cabeceia pra fora e assusta. O Cascavel responde com arremate rasteiro de Lucas Tocantins, que Santos segura firme.

 

A partida seguiu com pouca intensidade, mas ainda sob o domínio do rubro-negro. Adriano, aos 19 minutos, é expulso pelo segundo amarelo. A partir daí, o adversário esboçou uma reação com bom arremate por cima de Marcel. O Athletico responde no cruzamento preciso de Abner Vinícius – que acabava de entrar – para a finalização de Bissoli por cima da meta.

 

O Cascavel, com um homem a mais, exerce domínio da partida na porção final do segundo tempo. Em busca de um gol de honra, Paulo Baya faz bom arremate cruzado e a bola passa perto. Em seguida, novamente Baya arrisca dentro da área, mas a bola sobe demais e se perde pela linha de fundo. A Serpente tenta, mas não consegue seu gol e o jogo termina tudo igual.

 

Com o resultado, o rubro-negro aguarda agora a partida entre Coritiba e Cianorte, às 20 horas desta quarta-feira, para conhecer seu rival na final. No primeiro duelo, o Coritiba venceu por 3×2, fora de casa. As partidas da decisão devem ser realizadas nos dias 2 e 5 de agosto.

 

Assista aos melhores momentos:

 

FICHA TÉCNICA – Cascavel x Athletico

 

Local: Estádio Olímpico Regional, em Cascavel

 

Data e horário: 29/07/2020, às 18h (de Brasília)

 

Arbitragem: Lucas Paulo Torezin, auxiliado por Luiz Henrique de Sousa Santos Renesto e Heitor Alex Eurich.

 

Cartões amarelos: Adriano (CAP), Lucas Tocantins (CAS)

 

Cartão vermelho: Adriano (CAP)

 

FC Cascavel: Raul; Líbano; Marcel; Afonso e Quaresma; Duda (Paulo Baya); Oberdan e Adenílson; Henrique; Lucas Tocantins e Magno. 

Técnico: Marcelo Caranhato.

 

Athletico: Santos; Erick (Jonathan); Lucas Halter; José Ivaldo e Adriano; Wellington; Bruno Leite e Marquinhos Gabriel (Abner Vinícius); Vitinho; Carlos Eduardo (Fernando Canesin) e Guilherme Bissoli. 

Técnico: Dorival Júnior.

Veja também