Athletico é goleado pelo Operário em volta à Arena da Baixada

Compartilhe

Com três derrotas em três jogos, Furacão assume a lanterna do campeonato

Após mais de 50 dias sem jogar em casa, o Athletico foi derrotado por 4×0 para o Operário na tarde deste sábado (17), na Arena da Baixada. O Furacão foi dominado pelo Fantasma e não conseguiu criar chances de gol, além de cometer vários erros de passes.  

No primeiro tempo, o goleiro Bento conseguiu segurar o resultado para o Furacão em 0x0, porém, na segunda etapa, o Operário conseguiu abrir o placar com Felipe Garcia e ampliou com Ricardo Bueno. O terceiro gol veio novamente com Felipe Garcia e, já nos acréscimos, Leandrinho de pênalti fez o quarto gol.

Com esse resultado, o rubro-negro segue sem vitória no Campeonato Paranaense, ocupando a lanterna do campeonato com três jogos e três derrotas.

O Athletico tem uma sequência de partidas e precisa ligar o alerta para se recuperar no campeonato. Pelo Paranaense, a piazada enfrenta o Cascavel CR na quinta-feira (22), na Arena da Baixada.

Já o elenco principal estreia na Copa Sul-Americana contra o Aucas na terça-feira (20), às 21h30, em Quito, no Equador.

PRIMEIRO TEMPO

O primeiro tempo começou truncado, com maior posse de bola do Furacão, mas sem força ofensiva. E antes mesmo dos dez minutos de jogo, o Operário teve uma boa chance com um lançamento para Ricardo Bueno, que ganha da zaga athleticana e divide com Bento. A bola encosta no goleiro e sai. Após o lance, o Fantasma cresceu e teve mais uma chance com Leandro Vilela, onde Bento precisou trabalhar novamente.

 O Athletico teve um tentativa de chegar com perigo, mas Mingotti foi parado pela defesa do Operário. O Fantasma seguiu pressionando a defesa atleticana, com um toque de bola e criando chances, fazendo o goleiro trabalhar.

No final do primeiro tempo, Ricardo Bueno recebeu o cruzamento e cabeceou à queima roupa e, novamente, Bento defendeu e a defesa afastou.

SEGUNDO TEMPO

O segundo tempo iniciou com uma grandes chances para o Furacão. Uma delas perdida por Vinicius Mingotti, onde o goleiro Simão defendeu e, na sobra, o atacante perdeu. Yago também teve sua chance chutando forte, mas o goleiro do Fantasma brilhou.

 O Athletico voltou mais atento para o jogo, porém, em um rebote do goleiro Bento, Felipe Garcia abriu o placar para o Fantasma.

O Operário seguiu pressionando o Furacão e criando as maiores chances e, com isso, conseguiu ampliar o placar com Ricardo Bueno após Fábio Alemão ajeitar de cabeça.

 Já com o jogo se encaminhando para o final, Leandrinho recebe um belo lançamento se livrando da marcação de Edu, que toca para Felipe Garcia marcar novamente. Nos acréscimos, Khellven comete falta em Djalma Silva dentro da área. Leandrinho bate firme e marca o quarto do Fantasma.

Mesmo com mudanças, o Furacão não conseguiu criar novas chances e com muitos passes errados facilitou para o visitante.

FICHA TÉCNICA: ATHLETICO x OPERÁRIO

 Local:  Arena da Baixada – Curitiba/ PR

 Data: 17/04/2021

 Horário: 16h

 Gol: Felipe Garcia (12 e 39 minutos do 2º tempo), Ricardo Bueno (21 minutos do 2º tempo), Leandrinho (46 minutos do 2º tempo)(OPE)

 Cartão amarelo: Kawan, Jajá, Khellven (CAP); Alex Silva, Jean Carlos, Tomas Bastos, Leandrinho (OPE)

  Athletico: Bento; Khellven, Luan Patrick, Edu e Jáderson; Kawan, Matheus Anjos (Geovane) e Jajá; Yago (João Victor), Mingotti e Reinaldo (Bissoli).  Téc: Bruno Lazaroni

 Operário: Simão; Alex Silva (Fabiano), Fábio Alemão, Odivan e Djalma Silva; Leandro Vilela (Felipe Garcia), Jean Carlo (Leandrinho), Pedro Ken e Tomas Bastos (Chorão) ; Rafael Oller e Ricardo Bueno (Lucas Mendes).       Téc: Matheus Costa

Arbitragem:  Adriano Milczvski, Roberto Rivelino dos Santos Junior, Alessandro Antonio Gonçalves e Maykon Brito De Freitas.

Veja também