Athletico joga mal de novo e fica só no empate com o Botafogo

Compartilhe

Com gol de Ravanelli, no fim do jogo, Furacão apenas empata e chega ao sétimo jogo sem vitória

Na noite desta quarta-feira (09), o Athletico recebeu o Botafogo na Arena da Baixada e ficou somente no empate por 1×1. O gol atleticano foi marcado pelo estreante Ravanelli e o gol do Botafogo foi anotado pelo lateral esquerdo Victor Luís, de pênalti. Com o resultado, o Furacão ocupa a 16ª colocação com 8 pontos conquistados.

 

Primeiro Tempo

O Athletico iniciou a partida em cima do Botafogo. Precisava da vitória de qualquer jeito para não correr o risco de adentrar a zona de rebaixamento. Logo no início do jogo, o atacante Fabinho saiu cara a cara com o goleiro Diego Cavallieri, chutou forte, mas o arqueiro alvinegro praticou boa defesa. Aos 24’, Nikão fez boa jogada individual e chutou rasteiro, obrigando Cavallieri a fazer outra defesa. O rubro-negro jogava bem na etapa inicial, só dava o Furacão. A primeira chegada do Botafogo foi aos 27’, em um chute de longe de Kevin para fácil defesa de Santos. Aos 45’, gol do Botafogo, anotado por Bruno Nazário, porém acertadamente a arbitragem, por meio do VAR, marcou impedimento. E o primeiro tempo acabou sem gols, mas dava uma esperança para a torcida atleticana.

 

Segundo Tempo

O segundo tempo veio, e que pena que veio. O Athletico não apareceu para a etapa final. Time sonolento, sem nenhuma inspiração. Primeira oportunidade de gol foi aos 23’, em um chute de fora da área de Erick que passou perto do gol. Aos 31’, pênalti para o Botafogo. E o pior é que foi Jaime Alvarado, que chegou solando Rhuan dentro da área. Victor Luís bateu e converteu: Athletico 0 x 1 Botafogo. Foi nesse momento que o técnico interino Eduardo Barros colocou o meia Ravanelli para fazer sua estreia. E não demorou muito para ele mostrar sua qualidade. Aos 41’, em um bom cruzamento de Christian, que chegou em Geuvânio, este ajeitou para Ravanelli chegar batendo de primeira para empatar: Athletico 1 x 1 Botafogo.

 

O Furacão foi para cima e aos 43’ foi marcado pênalti para o Athletico. O zagueiro Rafael Forster colocou o braço na bola dentro da área. O VAR recomendou que o árbitro central fosse revisar o lance, e ele confirmou o pênalti. Nikão foi para a bola e isolou. Era a chance da virada. E ainda teve tempo para uma última chance de gol, aos 50’ Geuvânio chutou de fora da área e a bola explodiu no travessão. Um pecado não ter entrado. Fim de jogo: Athletico 1 x 1 Botafogo.

 

O próximo jogo do Furacão será no próximo sábado (12), às 16h30 (horário de Brasília), contra o Coritiba, na Arena da Baixada. A partida é válida pela 10ª rodada do Campeonato Brasileiro.

 

FICHA TÉCNICA

Athletico 1 x 1 Botafogo

 

Athletico: Santos; Jonathan (Khellven); Felipe Aguilar; Thiago Heleno e Márcio Azevedo; Erick (Ravanelli); Léo Cittadini (Christian); Lucho González (Jaime Alvarado); Fabinho (Geuvânio); Nikão e Guilherme Bissoli. Técnico: Eduardo Barros.

 

Botafogo: Diego Cavallieri; Marcelo Benevenuto; Rafael Forster e Kanu; Kevin; Luiz Otávio (Rentería); Caio Alexandre e Victor Luís; Bruno Nazário; Kalou (Rhuan) e Matheus Babi. Técnico: Paulo Autuori.

Veja também