Athletico negocia naming rights da Baixada

Compartilhe

Conversas com empresa dona da Copel Telecom estão em andamento

Nas últimas semanas, o Athletico Paranaense e o grupo Bordeaux, donos da Copel Telecom, iniciaram conversas para o naming rights da Arena da Baixada ser utilizado pelo grupo francês. De acordo com a apuração do Portal Trétis, os valores seriam muito interessantes para o nível do futebol brasileiro.

Desde outubro, a Copel Telecom estampa a marca na camisa rubro-negra. Porém, por determinação do edital de venda da companhia, a marca mudará de nome até o início de 2022, pois o nome “Copel” é ligado ao Governo do Estado e a empresa já é privada. O nome escolhido deve ser a Horizon Telecom.

A venda do naming rights da Arena da Baixada é um objetivo do Clube desde que o estádio foi construído para a Copa do Mundo. Entre 2005 e 2008, a primeira Arena foi rebatizada de Kyocera Arena em um contrato que beirava os US$ 1,5 milhões por ano. As conversas devem avançar até o final da temporada e o objetivo é que o estádio já ganhe um novo nome para 2022.

Veja também