Athletico oficializa proposta pelo centroavante Adam Bareiro

Compartilhe

Furacão negocia chegada do atacante paraguaio de 27 anos, que é avaliado em, no mínimo, US$6 milhões (R$29M). Veja números do jogador

O Athletico formalizou proposta pelo centroavante Adam Bareiro e tenta fechar contratação para posição considerada prioridade em seu mercado. Jogador de 27 anos teve procura de outros times nesta janela de transferência, mas o San Lorenzo-ARG, dono de seus direitos econômicos, recusou propostas que chegavam aos US$6 milhões (R$29M).

Ainda não há acordo entre Athletico e “Ciclón”, como é chamado o San Lorenzo, mas partes negociam. Caso negociação ultrapasse a pedida mencionada acima, Bareiro se tornaria a contratação mais cara da história do Furacão – neste momento, Vitor Roque – comprado por R$24 milhões – lidera o ranking. Confira:

1) Vitor Roque: R$24 milhões
2) Bruno Zapelli: R$20,5 milhões
3) Léo Godoy: R$19,6 milhões
4) Mateo Gamarra: R$17,3 milhões
5) Canobbio: R$15,2 milhões
6) Romeo Benitez: R$14,8 milhões
7) Alex Santana: R$13,5 milhões
8) Tomás Cuello: R$12,8 milhões
9) Matheus Babi: R$12 milhões
10) Abner: R$10 milhões

A proposta do Athletico foi noticiada pelo jornalista Cesar Luis Merlo e confirmada pela Trétis.

Em 51 jogos na última temporada, Bareiro marcou seis gols pela Copa Sul-americana, sete pela Copa da liga argentina e outros cinco pela primeira divisão de seu país. Jogador paraguaio foi convocado em duas oportunidades para representar sua seleção – fez três partidas como titular, sem gols ou assistências.

Com as seis bolas na rede no torneio continental, Bareiro foi vice-artilheiro, atrás apenas de Gonzalo Mastriani, do América, que teve nove gols marcados na competição. Atacante do “Ciclón”, como é conhecido o San Lorenzo, dividiu vice-artilharia com Federico Santander, do Guarani-PAR, e Benjamin Rollheiser, do Estudiantes.

San Lorenzo recebe proposta do Athletico por Adam Bareiro. Foto; reprodução

Veja números de Adam Bareiro em 2023

Na disputa da primeira divisão argentina, Bareiro não tem números de destaque na conclusão das jogadas. Sem contar os gols de pênalti, teve média de 0.15 gols a cada 90 minutos – um a cada seis partidas completas.

Jogador teve taxa de conversão de apenas 7% – marcou gols em apenas cinco, dos 43 chutes que tentou. Eficiência foi a pior de sua carreira desde 2019, mesmo que tenha sido a temporada em que Bareiro mais marcou gols, no geral.

Na construção das jogadas, jogador tem 0.05 assistências a cada 90 minutos, acerta 67% dos passes que tenta e tem média de 0.67 passes importantes por jogo – segundo dados da plataforma FbRef.

Bareiro vence praticamente metade das disputas aéreas que tenta (48,5%), como ponto positivo. Confira comparação com Pablo, atual titular da posição no Athletico.

Veja também