Athletico recebe Deco, diretor do Barcelona, que elogia estrutura: “fantástica”

Compartilhe

Dirigente conheceu o CT do Caju e conversou com Vitor Roque. Deco disse que Barcelona está "tranquilo" com relação à lesão do atacante

O Athletico recebeu o ex-jogador e atual diretor de futebol do Barcelona, Deco, nesta segunda-feira (16). Visita serviu para que dirigente conhecesse e conversasse com Vitor Roque, futuro jogador do Barça, além da mostra da estrutura atleticana. Sobre as instalações do Furacão, Deco elogiou: “Fantástica”.

Deco continua, e também comenta impressão sobre a Arena da Baixada: “A estrutura é fantástica. O CAT Caju tem tudo o que um jogador precisa para ter qualidade nos treinos e na preparação para os jogos. É uma estrutura bastante prática e precisa para o dia a dia do futebol e dos jogadores. E também pude conhecer o novo estádio, que ainda não havia visto após a reforma e de tudo que foi feito”

Diretor de futebol ainda comentou sobre a lesão de Vitor Roque, em encontro que foi o primeiro entre jogador e Barcelona desde a assinatura da venda de Roque ao clube catalão: “Quanto à lesão dele estamos tranquilos, pois o Barcelona está sempre em contato com os do Athletico, que tem nos informado bastante. Então o objetivo era principalmente fazer essa visita a ele e ao Athletico”

Vitor Roque lesionou dois tendões do tornozelo direito na vitória do Athletico por 2 a 1 contra o Internacional, em 21/09. Desde então, Furacão e Barcelona tem mantido contato direto para as decisões do tratamento, e o Barça, como pôde saber a Trétis, fez pedido para que não fosse feita cirurgia no caso – atendido pelo rubro-negro, que escolheu tratamento conservador.

Lesão fez com que a ida do jogador à Catalunha fosse antecipada, segundo informação veiculada pelo Ge. O acordo inicial entre os clubes era para que Roque deixasse o Athletico apenas em julho de 2024, mas, depois da lesão, conversas para que o atacante viajasse em janeiro se intensificaram e chegaram a uma conclusão.

Na última sexta-feira (13), o empresário do jogador, André Cury, disse que partes tinham acordo para a saída de Vitor Roque em janeiro. Em contato com a reportagem, o Athletico confirmou combinado. O Barcelona ainda depende de adequação ao fair play financeiro de La Liga para poder incorporar o jogador ao seu elenco.

Além do espaço para a transferência de 40 milhões de euros fixos, o Barcelona precisa liberar outros 13 milhões de euros em sua folha salarial para absorver os custos de Vitor Roque. Time catalão espera receber dívida de 40 milhões de euros do fundo alemão Libero, o que resolveria a parte da compra, mas não a dos salarios.

Se não conseguir resolver essa situação, há a possibilidade de que o Barcelona mantenha o jogador no Athletico ou o negocie por empréstimo até a metade de 2024, com também pôde saber a Trétis. Com passagem ao menos até o final deste ano no Furacão, Roque tem retorno de lesão esperado para a partida contra o Bahia, em 12/11, pela trigésima terceira rodada do Brasileirão.

Veja também