Bidou: Cacá é registrado, mas ainda passa por aprimoramento físico

Compartilhe

Jogador teve situação regularizada e seria a terceira maior contratação da história do clube caso o Furacão exerça opção de compra

O zagueiro Cacá, recém-contratado pelo Athletico, teve nome registrado no Boletim informativo diário (Bid) da CBF e tem documentação em ordem para fazer sua estreia pelo Furacão. Jogador, porém, ainda trabalha para melhorar a forma física e ainda pode demorar a ter condições de jogo.

Cacá não entra em campo há mais de três meses. Zagueiro fez sua última partida no dia 23/04, em confronto entre Tokushima Vortis, ex-time do jogador, e Kusatsu G, pela segunda divisão da liga japonesa e sofreu lesão. Desde então trabalha em recuperação.

Cacá assina por empréstimo com o Athletico até junho de 2024, conforme apuração da Trétis. Vínculo tem opção de compra fixada em €3,5 milhões – cerca de 17 milhões de reais.

Caso o Athletico exerça opção de compra, Cacá se tornaria o terceiro maior investimento da história do clube

Os mais de R$17 milhões que podem ser investidos na compra do passe do jogador, na metade de 2024, ultrapassariam os R$15,2 milhões da compra do atacante Canobbio, no ano passado, e só perderiam para os R$24 milhões pagos por Vitor Roque e para os R$21,5 milhões da compra de Bruno ZapelliConfira as dez maiores contratações da história do Athletico:

JogadorValor
Vitor RoqueR$24 milhões
Bruno ZapelliR$21,5 milhões
Canobbio ‘R$15 milhões
Alex SantanaR$13,5 milhões
CuelloR$12,8 milhões
Matheus BabiR$12 milhões
AbnerR$10 milhões
Felipe AguilarR$10 milhões
Lucas EsquivelR$9,8 milhões
Cacá se tornaria a segunda maior contratação da história do Athletico
Cacá no futebol japonês | Foto: reprodução

Cacá fez apenas 10 das 25 partidas de seu time na temporada 2023 da segunda divisão da liga japonesa. Nestas, esteve em campo em todos os minutos e seu time não venceu nenhuma partida no período – teve cinco empates e cinco derrotas. Exercer a opção de compra prevista no contrato fica a cargo de decisão do Athletico, e terá que ser paga a vista em janeiro de 2025.

Cacá chega ao Athletico que tem Thiago Heleno, Matheus Felipe, Zé Ivaldo e Kaíque Rocha como zagueiros em condição de jogo. Pedro Henrique, com fratura no tornozelo, perderá jogos para recuperação e estava em tratativas avançadas para deixar o Furacão.

Outro exemplo, Zé Ivaldo tem saída garantida – assinou pré-contrato com o Cruzeiro e faz seus últimos meses com a camisa rubro-negra. Para a próxima rodada do Campeonato Brasileiro o Athletico não terá Thiago Heleno, suspenso pelo terceiro cartão amarelo. Situação se repetirá no jogo de ida das oitavas de final da Libertadores, por limitação fisiológica do ‘General’.

Apuração da Trétis informa, também, que o zagueiro da base Arthur Zanella, de 20 anos, é cotado para ganhar minutos no time profissional, se situação se mantiver. O Furacão ainda procura uma oportunidade de mercado para a posição na janela de transferências.

Veja também