É AS GURIA!

Compartilhe

Gurias Furacão se classificam para as semis do Brasileirão A2 nos pênaltis e garantem o acesso à primeira divisão

O Athletico vem fazendo história e não só na Libertadores. Na tarde deste sábado (13), o time feminino também encarou uma decisão contra o Botafogo, no miniestádio do CT do Caju. Jogando a partida de volta das quartas de final do Brasileiro Feminino A2, as Gurias Furacão precisavam reverter o placar de 2 a 1 das adversárias feito no Rio de Janeiro. Com o apoio da torcida, as Gurias foram guerreiras e devolveram o placar de 2 a 1 com Sol e Milena, e levaram a decisão para os pênaltis. Ganhar significava não só passar para a próxima fase, mas garantir o tão sonhado e grande objetivo do acesso à primeira divisão do campeonato. Nos penais, o rubro-negro marcou todos e as adversárias mandaram um na trave e outro foi defendido pela goleira Renata.

A partida

O jogo foi muito movimentado e começou com o Athletico indo mais para cima, buscando o resultado. A primeira boa chance foi em jogada individual de Maiara, que parou na goleira Yasmim. Monique também deu trabalho para a arqueira botafoguense.

Aos 31′, o Furacão quase marcou em um lance inusitado. Em cobrança de tiro de meta, Yasmim tocou duas vezes na bola e a árbitra anotou tiro livre indireto, na linha da pequena área. Na cobrança, Monique tocou, Letícia soltou a bomba e a goleira defendeu com o pé.

O Furacão continuou pressionando, armando muitas jogadas, mas pecando no último passe. Aos 38′, Thaís Prado lançou do campo de defesa, Sol ganhou em velocidade, entrou na área e finalizou com toque cruzado para alegria e explosão da torcida presente. 1 a 0 pro rubro-negro! 

Depois do intervalo, o Botafogo voltou um pouco mais agressivo, não querendo deixar que o Athletico marcasse mais. Se fechando, deixavam pouco espaço para as Gurias e aproveitavam os contra-ataques para atacar. Tanto que aos 28′, em uma falta pelo lado direito, Chai levantou na área, ninguém desviou e a bola entrou direto.

O que poderia desanimar o Furacão, na verdade deu ainda mais força e, empurradas pela torcida, as Gurias mais uma vez mostraram seu poder de reação e a raça para querer conquistar o acesso. O Athletico continuou atacando e já aos 40′ teve duas grandes chances. Em escanteio pela esquerda, Thaís Prado levantou na área, Larissa cabeceou e a goleira salvou. Na sequência, Duda recebeu na esquerda e bateu cruzado, para mais uma defesa da goleira.

A emoção mais uma vez ficou para o último minuto. Em uma falta no campo de defesa, Lilian lançou para Sol, que chegou antes da goleira e foi derrubada. Pênalti! Milena Monteiro foi para a cobrança e garantiu a decisão para os pênaltis.

Nas cobranças, Tainá, Milena e Eddie acertaram as primeiras do Furacão. Pelo Botafogo, Kélen bateu bem, Valéria acertou a trave e Chai parou na defesa de Renata! Depois, Karen marcou para o adversário e, para fechar, Duda bateu com frieza, deslocou a goleira e garantiu a vitória athleticana!

Sobre o resultado, o técnico Brenno Basso e a goleira Renata deixaram seus relatos:

“É um momento único. Trabalhar todos os dias com um objetivo, com uma intenção, com um sonho… Isso cria um sentimento muito forte dentro da gente. Essas meninas trabalham muito forte e em momento nenhum elas desviaram o olhar de onde elas queriam chegar”, disse o comandante.

“Eu estou muito feliz. Só tenho que a agradecer a Deus, às minhas companheiras, ao meu preparador e ao meu treinador. Tudo isso é fruto de muito trabalho. Trabalho feito desde o início, não só neste ano, mas nos anos anteriores. Estou muito feliz por ter ajudado a equipe no tempo normal e nos pênaltis. Não tenho palavras para esse time, eu me identifiquei muito. Eu sou uma athleticana até morrer”, exclamou a arqueira.

Comemorem muito, Gurias! Estamos na primeira divisão nacional do futebol feminino! É AS GURIAS, NÃO TEM JEITO!

Agora elas continuam em busca do título do campeonato enfrentando o Bahia nas semis. O primeiro jogo será em casa, no próximo sábado, dia 20. Lembrando que todos os sócios podem assistir de graça, apenas apresentando o smartcard com um documento com foto na entrada do miniestádio. Vamos pelas nossas Gurias!

Veja os melhores momentos aqui:

Ficha técnica: Athletico Paranaense 2 (4) x (2) 1 Botafogo 
Campeonato Brasileiro Feminino A2: Quartas de final – jogo de volta
Data: 13/08/2022 (sábado)
Horário: 15h
Local: Miniestádio do CT do Caju

Arbitragem

Árbitro: Maria Luiza Bandolero dos Santos (PR)
Assistentes: Denise Akemi Simões de Oliveira (PR) e Welvys Fladerson Gomes Afonso (PR)
Quarto árbitro: Elvio Kertelt Legnani (PR)

Athletico: Renata; Tainá, Nayara, Thais Prado e Givanna; Paloma, Letícia (Eddie, aos 26′ do 2º tempo) e Monique (Larissa, aos 26′ do 2º tempo); Lilian, Sol e Maiara (Milena Monteiro, aos 21′ do 2º tempo)
Técnico: Brenno Basso
Gols: Sol, aos 38′ do primeiro tempo; Milena Monteiro, aos 45′ do segundo tempo
Cartões amarelos: Maiara, Tainá, Milena Monteiro e Eddie

Botafogo: Yasmim; Bruh (Miriam, aos 18′ do 2º tempo), Sandra, Karen e Chai; Driely, Vitorinha, Mayara Vaz e Kélen; Kamilla (Valéria, aos 47′ do 2º tempo) e Emily (Juliana, aos 18′ do 2º tempo)
Técnico: Gláucio Carvalho
Gol: Chai, aos 28′ do segundo tempo
Cartões amarelos: Driely e Yasmim 

Veja também