Faixa em homenagem à Sônia Nassar estreia quinta

Compartilhe

Três dias depois de quando seria seu 69º aniversário, mulheres atleticanas homenageiam jornalista pioneira no esporte e torcedora do Athletico

* Release enviado pelas Atleticaníssimas, por Paula Senff

 

A faixa “O Athletico é um estado de espírito” é uma homenagem de todas as mulheres atleticanas para a jornalista Sônia Nassar (1951-2001), atleticana e pioneira no jornalismo esportivo paranaense. A estreia da faixa será no jogo do Athletico contra o Ceará, nesta quinta (8), na Arena da Baixada, em Curitiba.

 

A ideia surgiu dentro do grupo das Atleticaníssimas, movimento de torcedoras do Athletico, com a premissa de homenagear mulheres importantes na história do clube. O projeto também foi uma forma de contribuir para a união das mulheres atleticanas. Para a torcedora Michele Toardik, responsável por apresentar a ideia ao grupo, esse feito foi muito emblemático. “Lançamos no grupo e, na hora, todas as mulheres compraram a ideia. Foi aí que pensamos, logo em seguida, que isso não poderia ser um projeto só das Atleticaníssimas, mas de todas as mulheres atleticanas, algo muito maior que o nosso grupo”, conta.

 

Com um valor simbólico de contribuição, todas as mulheres que participaram da ação tiveram seus nomes gravados nas barras da faixa, que resultou no total de 216 mulheres. O valor excedente será destinado a um projeto que desempenha um trabalho para meninas que jogam futebol.

 

A fundadora do grupo Atleticaníssimas, Milene Szaikowski, comenta que todos usam direto a frase da Sônia. “O Athletico é realmente um estado de espírito. A gente vê isso dentro do grupo: se o Athletico vai bem, parece que o grupo se empolga mais, comenta mais, se torna mais criativo. Enfim, o grupo pulsa mais”, diz. A faixa é uma das primeiras em homenagem à uma mulher no Brasil. O Vasco conta com um coletivo chamado “Rosalinas”, que fez uma faixa em consagração à Dulce Rosalina, torcedora e dirigente de torcida organizada; Torcedoras do Grêmio, que formam o coletivo “Elis Vive”, fizeram uma em homenagem à cantora Elis Regina; Na Colômbia, a torcida do Junior Barranquilla homenageia a fundadora do clube, Micaela Lavalle de Mejía.

 

Michele ressalta que a primeira mulher que veio em mente para homenagear mulheres importantes para o Athletico foi a Sônia. “Muita gente talvez desconheça a história da Sônia, então a faixa é um marco para que a gente faça ecoar sua história. E que seja a primeira de muitas homenageadas que a gente ainda vai levar para o estádio”, salienta.

 

Justamente por Sônia ser tratada como um ícone e uma referência para tantas mulheres, as Atleticaníssimas fizeram um episódio especial sobre ela no podcast Quebra o Muro, com as Atleticaníssimas, que também vai ao ar nesta quinta. Nesse episódio, que conta com a presença da irmã de Sônia, Sandra Nassar, os ouvintes poderão escutar muitas histórias da jornalista e sobre a importância dela para o clube, para o jornalismo e para o futebol. “Se hoje ainda é necessário discutir o respeito em relação à presença feminina no estádio, imagina na época da Sônia”, afirma Milene.

 

O podcast Quebra o Muro, com as Atleticaníssimas é uma iniciativa feita para levar informação, entretenimento e muito debate sobre temas ligados às mulheres, ao futebol e, principalmente, ao Athletico Paranaense. O propósito também é transpor as trincheiras do preconceito e desmistificar a presença da mulher no meio futebolístico em todos os seus âmbitos.

 

Sônia Nassar

Primeira repórter esportiva do rádio paranaense, Sônia Nassar se formou em Jornalismo pela Universidade Federal do Paraná (UFPR) nos anos 1970. Pioneira na área esportiva, mesmo atleticana, é respeitada por todas as torcidas.
Sônia chegou a costurar os uniformes do Athletico em épocas difíceis e também ajudou a criar o troféu Corujinha de Ouro, premiação feita pelo jornal O Estado do Paraná para eleger os melhores jogadores do Campeonato Paranaense.

 

Serviço
Podcast Quebra o Muro, com as Atleticaníssimas
Episódio #009: Sônia Nassar
Onde ouvir: disponível nas principais plataformas, como Spotify e Deezer
Link: https://bnd.lc/Atleticanissimas

Veja também