Fechado: Athletico confirma venda de Vitor Roque ao Barcelona

Compartilhe

Furacão mantém 20% dos direitos em futura venda do jogador e negociação chega aos 74 milhões de euros, segunda maior venda da história do país

O Athletico confirmou a venda do atacante Vitor Roque ao Barcelona por valor que pode chegar aos 74 milhões de euros (R$398,2 milhões). Roque se torna, oficialmente, a maior venda da história do clube e só deve viajar à Espanha em janeiro de 2024, como forma do Barça escapar das regulações do fair play financeiro de La Liga. Informação foi veiculada pelo GE e confirmada pela Trétis.

Com 85% do passe de Vitor Roque, o Furacão deve manter 20% em fatia de futura venda do jogador. Roque terá multa rescisória de €1 bilhão no Barcelona e vínculo até 2029, prorrogável por mais um ano no que totalizaria sete anos de contrato.

O aumento no valor da transferência se deve às fortes investidas de clubes como Manchester United, PSG, Tottenham e Chelsea, conforme noticiou a imprensa europeia, que tentavam atravessar negociação. Limitado pelo fair play financeiro, o Barcelona apostou em gatilhos econômicos baseados em metas e objetivos individuais e coletivos para aumentar quantia.

O único destes vazado, até o momento da publicação desta reportagem, é o de que o Athletico lucraria €5 milhões caso Vitor Roque seja finalista da bola de ouro – prêmio de melhor jogador do mundo – em algum momento de sua trajetória pelo Barcelona.

Vitor Roque deixa o Athletico por valor quase duas vezes maior ao investido pelo clube na reforma da Ligga Arena

Com a resolução do acordo tripartite de financiamento da reforma da Arena da Baixada para a Copa do Mundo de 2014, foi revelado que o Furacão investiu R$190 milhões – foram pagos R$200M ao fundo de desenvolvimento econômico, como garantia.

A saída de Vitor Roque dobra esse valor e tem vantagem exorbitante como maior venda da história do Athletico – ultrapassa em R$305 milhões a negociação de Bruno Guimarães ao Lyon, em 2020. Confira lista:

  • 1) Vitor Roque – Barcelona (R$395,2 milhões)
  • 2) Bruno Guimarães – Lyon (R$93,8 milhões)
  • 3) Renan Lodi – Atlético de Madrid (R$97,5 milhões)
  • 4) Robson Bambu – Nice-FRA (R$47 milhões)
  • 5) Lucas – Rennes-FRA (R$39,3 milhões)
  • 6) Fernandinho – Shakhtar Donetsk (R$35 milhões)
  • 7) Jadson – Shakhtar Donetsk (R$32,6 milhões)
  • 8) Hernani – Zenit-RUS (R$28,4 milhões)
  • 9) Otávio – Bordeaux-FRA (R$27 milhões)
  • 10) Kleberson – Manchester United (R$23,6 milhões)

Vitor Roque chegou ao Athletico em abril de 2022 como a contratação mais cara da história do clube e, desde então, já soma 66 jogos, 22 gols e oito assistências. Atacante é artilheiro do Furacão na temporada, com 15 gols e, se contar os gols marcados pela Seleção Brasileira sub-20, chega a 21 gols no ano.

Atual vice-artilheiro do Campeonato Brasileiro, Roque tem sondagens concretas do Barcelona desde novembro de 2022, mas contatos chegaram muito antes. Com 15 anos, jogador recebeu camiseta do clube espanhol autografada por Lionel Messi, em intermédio do empresário André Cury, ex-funcionário do Barça.

Vitor Roque posa pela primeira vez com a camiseta do Barcelona | Foto: reprodução

Veja também