Flamengo atrasa pagamento de Léo Pereira

Compartilhe

Parcela de R$ 3,5 milhões referente à compra do zagueiro está em aberto, segundo PVC

O “efeito dominó” chegou aos clubes por conta da pandemia do COVID-19 e afetou o clube que mais ganhou dinheiro em 2019. O Flamengo atrasou o pagamento de uma das parcelas do zagueiro Léo Pereira, de acordo com o jornalista Paulo Vinícius Coelho, do globoesporte.com. O pagamento era esperado até o dia 14 de abril, mas a parcela com o valor de R$ 3,5 milhões não caiu na conta do Athletico.

 

Segundo PVC, o Flamengo quer renegociar os prazos de pagamento do zagueiro. Isso porque o clube carioca não recebeu de patrocinadores como a Adidas e rompeu seu contrato com o Azeite Royal. O jornalista também afirma que o Athletico foi compreensivo com a situação, mas que espera receber o dinheiro assim que possível.

 

Léo Pereira foi contratado em definitivo pelo Flamengo em janeiro deste ano e a operação custou cerca de 7 milhões de euros (R$ 32,2 milhões).

Veja também