Furacão vence e dá primeiro passo na Copa do Brasil

Compartilhe

Mais uma vez, uruguaio David Terans decidiu a partida e fez os gols da vitória

Mais uma vez o Furacão enfrentou um adversário complicado nas oitavas de final da Copa do Brasil. Assim como no confronto válido pelo Brasileirão, o Athletico sofreu, mas venceu o Atlético Goianiense na Arena da Baixada, pelo placar de 2 a 1. E mais uma vez o nome do jogo foi o uruguaio David Terans. Ele fez os dois gols da vitória que colocam o rubro-negro em posição de vantagem para o jogo de volta que será disputado na próxima quarta-feira, em Goiânia.

PRIMEIRO TEMPO

Escalado por António Oliveira com Bento, Marcinho, Thiago Heleno, Pedro Henrique e Nicolas; Richard, Léo Cittadini e David Terans; Nikão, Vitinho e Renato Kayzer, o Athletico teve dificuldades para furar a boa marcação do Atlético-GO na primeira etapa.

Aos 2′ o Athletico teve a primeira chance com Marcinho. O lateral-direito chutou pra fora. Aos 22 minutos, Nikão achou Kayzer na área. Em boa posição, o atacante bateu no gol, mas a bola desviou na zaga. No finalzinho do primeiro tempo mais uma chance para Renato Kayzer. Em cobrança de escanteio de Terans, o centroavante cabeceou firme e obrigou Fernando Miguel a fazer uma excelente defesa.

SEGUNDO TEMPO

Com outra postura e buscando girar a bola pelo meio para abrir espaços e atacar mais pelas laterais do campo, o Furacão chegou ao gol logo no começo da etapa. Marcinho recebeu na direita e cruzou. David Terans subiu dividindo com a zaga e a bola morreu no fundo da rede! Aos 4 minutos, foi a vez de Renato Kayzer receber de Marcinho. Livre, o atacante demorou um segundo a mais pra chutar e acabou dividindo a jogada com o goleiro Fernando Miguel.

O jogo passou a ficar mais aberto. Aos 11, Terans achou Nicolas livre. Com tempo e espaço, ele cruzou na área e Renato Kayzer cabeceou muito perto do gol. Os goianos vieram para cima e na terceira tentativa clara de gol, chegaram ao empate. Primeiro, Pedro Henrique furou e Zé Roberto perdeu um gol incrível, frente a frente com Bento. Depois, o atacante acertou a trave. Antes terceira chance, David Terans ainda quase fez mais um gol. O chute saiu fraco e Fernando Miguel realizou a defesa. Na terceira chance de Zé Roberto, ele não perdoou. O atacante recebeu cruzamento na direita e sem marcação, definiu o lance.

O gol acordou novamente o Athletico que veio para cima. Aos 39 minutos, mais uma bela jogada de ataque do Athletico. Na rotação da bola pelo meio, ela chegou a Marcinho. O lateral-direito cruzou a meia altura e David Terans pegou um lindo chute de primeira pra balançar a rede e garantir a vitória rubro-negra!

O Furacão volta a campo na próxima quarta-feira, pela Copa do Brasil, em Goiânia. A equipe vai com a vantagem do empate. Sem gols qualificados fora de casa, qualquer vitória por 1 a 0 de vantagem do Atlético-GO levará a partida para os pênaltis. Antes disso, o Athletico enfrentará o Atlético Mineiro, pelo Brasileirão. O jogo será em Belo Horizonte, no domingo, às 16h.

Veja também