Muito mais que um sucessor: 100 jogos de Tiago Nunes

Compartilhe

Gaúcho assumiu o elenco principal em julho de 2018 e conquistou alguns dos troféus mais importantes da história

Em julho de 2018, o técnico dos aspirantes do Athletico teve a missão de ser o sucessor de Fernando Diniz. Agora, com 100 jogos a serem completados na partida contra o Fluminense nesta quinta-feira (17), Tiago Nunes tem seu nome pronunciado por qualquer torcedor e já é considerado o maior técnico da história do clube após ser campeão da Copa do Brasil e da Sul-Americana 2018. Tiago, inclusive, também já conquistou seu lugar como um dos melhores técnicos e de maior destaque do país. Desde que ganhou visibilidade, o treinador já foi cotado por Atlético Mineiro, Internacional e Corinthians, por exemplo.

 

Apesar do cabelo grisalho, o comandante rubro-negro tem apenas 39 anos, muito menos do que costumam ter técnicos expressivos. Desde 2003, já passou por 22 clubes como preparador físico, auxiliar técnico e treinador. O Furacão foi o primeiro grande clube em que assumiu o elenco principal, depois de ter ganhado destaque com a vitória maestral do Paranaense com o sub-23. Desde que assumiu o cargo, o time melhorou seu desempenho no Brasileirão, venceu a Sul-Americana, impressionou na Libertadores, conquistou a Levain Cup e venceu a Copa do Brasil pela primeira vez na história.

 

Nem tudo, porém, é uma caminhada gloriosa. Antes de conquistar o título mais recente, o Athletico passava pelo Campeonato Brasileiro aos trancos e barrancos. Depois de perder em casa por 0 a 1 do Avaí, então lanterna da disputa, Tiago confessou que pensava em “pedir o boné”, alertando que estava cansado. Depois da vitória, retirou o comentário dizendo que permaneceria. Mais recentemente, com o interesse de outros clubes, há o receio do torcedor de Nunes ir se aventurar em outras terras. O treinador já declarou que tem muito carinho pelo Furacão e que quer continuar o trabalho até o fim do contrato, em dezembro, quando decidirá seu rumo. A diretoria atleticana iniciou as conversas para a permanência do técnico.

 

Ficando ou não, o fato é que Tiago Nunes entrou 100 vezes em campo vestindo a camisa do Athletico, trazendo uma das melhores campanhas dos 95 anos do clube. Com três títulos, o técnico venceu duas vezes o número de derrotas sob seu comando (50 a 25), apenas 3 eliminações em 16 mata-matas que participou, as marcas de 14 jogos sem perder, 150 gols marcados e uma média de 1,5 gols por jogo em que dirigiu a equipe principal. Inclusive, neste século, é o técnico com maior longevidade no clube.

 

Com um aproveitamento de 81%, há muitos fatores que tornam Tiago um dos maiores ícones do Furacão. Muito mais que um sucessor de Diniz, Tiago Nunes é o nome do técnico centenário de jogos em um time que, por conta de seu trabalho, é hoje reconhecido e admirado em todo o cenário futebolístico nacional e internacional.

Veja também