“Não pretendo fazer rodízio”

Compartilhe

Após conquista da Copa do Brasil, Tiago Nunes quer colocar força máxima em todas as partidas do Brasileirão

Durante a última coletiva após o empate contra o Vasco, o técnico Tiago Nunes afirmou que pretende escalar a força máxima do Athletico durante o segundo turno do Brasileirão. Segundo o treinador, a primeira meta da equipe é escapar do risco do rebaixamento e depois mirar em outros objetivos.

 

“O foco principal é fazer a pontuação para não correr risco de rebaixamento. A partir daí buscar outros objetivos. Nao estou pensando em poupar jogadores”.

 

Segundo Tiago Nunes, os atletas serão avaliados jogo a jogo de acordo com as condições físicas e psicológicas, como já está sendo feito durante a temporada. O treinador reafirmou que não pretende fazer rodízio no elenco no Brasileiro.

 

“A gente vai avaliar jogo a jogo, os jogadores que tiverem condição física e emocional vão jogar. Nao pretendo fazer rodizio”.

 

O técnico disse que a equipe se manterá motivada, pois a competição dentro do elenco é muito forte pela titularidade. Nunes também falou que a equipe se manterá interessada no campeonato e que o time precisa manter o alto nível em respeito ao torcedor atleticano.

 

“A gente tem interesse na competição. Primeiro fazer cerca de 50 pontos e depois pensar em outros objetivos. Temos que manter o respeito pelo torcedor. A fotografia do time que inicia é bem diferente da que termina a temporada. Todos os jogadores se mantém mobilizados pra jogar”.

 

Para a partida contra o Ceará, Tiago Nunes não contará com Pedro Henrique, lesionado. O treinador deve contar com as voltas de Nikão, Marcelo, Adriano e Márcio Azevedo que não atuaram na última rodada.

 

O provável time de Nunes tem: Santos, Madson (Khellven), Lucas Halter, Léo Pereira e Márcio Azevedo (Adriano); Wellington, Bruno Guimarães e Léo Cittadini; Rony, Nikão e Marco Ruben. 

Veja também