“O Athletico tem que jogar como se fosse a última partida do ano”

Compartilhe

Autor do gol contra o Grêmio na Copa do Brasil em 2016, André Lima relembra como foi a partida e fala o que espera deste duelo

Com passagens em ambas as equipes, o atacante André Lima deixou seu nome na história de Athletico e Grêmio. Pelo rubro-negro, André marcou 14 gols e foi campeão estadual em 2016, sendo artilheiro da equipe naquele ano, ajudando ao Furacão na conquista da vaga para Copa Libertadores da América, no ano seguinte.

 

Em entrevista exclusiva ao Portal Trétis, o atacante relembra histórias de confrontos que disputou com a camisa do Furacão contra o Tricolor Gaúcho, aconselha Marco Ruben e fala sobre os caminhos que podem levar o Athletico a grande final.

 

Em 2016, Athletico e Grêmio também se enfrentaram pela Copa do Brasil. Naquela ocasião, André fez o gol que resultou na vitória de 1×0 para o Furacão. Ele relembra como foi fazer o gol contra o ex clube, levando a partida para os pênaltis, e fala qual foi sentimento daquela eliminação que ficou no “quase” para o Athletico.

 

‘’ Eu fiz o gol e dez minutos depois senti uma lesão no joelho, e tive que sair. Mas mesmo no banco, fiquei torcendo, pois foi um jogo muito emocionante. Nos pênaltis, nós começamos bem e quando tivemos a chance de fazer o gol da classificação, acabamos perdendo. O sentimento que fica é o da frustração e desperdiçar a chance de passar de fase’’.

 

André nunca escondeu a identificação dele com os clubes onde jogou, tendo o carinho das torcidas como a do Athletico e Grêmio, se considerando um ‘’guerreiro’’ que se entrega pela camisa que veste. Ele fala do fator que pode levar o Furacão até a final da Copa do Brasil.

 

‘’ Não acredito que exista diferença entre os dois clubes, acho que a questão é o momento. Um lance ou outro na partida que pode definir a classificação, dentro do jogo tudo pode acontecer. O Grêmio tem a vantagem, mas o Athletico tem que jogar como se fosse o último jogo do ano. Acredito que será uma bela partida’’.

  

Em 2007, o atacante foi artilheiro da Copa do Brasil, quando atuava pelo Botafogo, com 5 gols. Hoje o artilheiro do Furacão, Marco Ruben, está há 13 jogos sem balançar as redes. André acredita que ninguém desaprende a fazer gols e fala sobre o argentino.

 

‘’ Atacantes vivem de fase, o Marco Ruben é um grande jogador, chegou fazendo gols, agora não vive um momento bom, mas acredito que com trabalho e dedicação ele voltará a balançar as redes, sendo apenas uma fase ruim’’.

 

Perguntado sobre seu palpite e quem passaria para a grande final, o atacante que tem uma bela história no Grêmio, sendo o autor do primeiro gol da nova arena do tricolor gaúcho, André preferiu não responder.

 

“Essa pergunta eu passo (risos)”.

 

Atualmente, André Lima está no Austin Bold, time que disputa a USL Championship, segunda divisão nos Estados Unidos. Recentemente, foram campeões da Copa Texas e André é o artilheiro da equipe na temporada.

 

Veja também