Petraglia é suspenso e multado por invasão de campo

Compartilhe

STJD puniu dirigente do Athletico em 60 dias de suspensão e R$ 20 mil em multa

A Segunda Comissão Disciplinar do STJD puniu na manhã desta terça (25), o presidente do Conselho Deliberativo, Mario Celso Petraglia, por invadir o campo e ofender a arbitragem e a CBF após a partida contra o Fortaleza, pela Copa do Brasil. Petraglia recebeu suspensão total de 60 dias e multa de R$ 20 mil.

 

Na ocasião o Athletico venceu a equipe cearense por 1 a 0, com um gol no final da partida. Petraglia disse ao árbitro Flávio Rodrigues de Souza as frases “lamentável sua arbitragem hoje, você também faz parte dos canalhas da CBF?”. A defesa do Clube, representada pelo Dr. Paulo Golambiuk, contextualizou a defesa ao presidente do Athletico.

 

“Havia uma motivação razoável para que o Presidente estivesse frustrado e irritado com o fato da CBF não responder aos ofícios do clube. Naquele dia a única pessoa com alguma medida vinculada a CBF era o árbitro principal da partida e era ali que ele poderia desabafar e a ofensa não era pessoalizada. A primeira frase lamenta a atuação da arbitragem e na segunda é uma indagação. Toda a imprensa diz que o Petraglia fez o que fez pela não desconvocação de Renan Lodi e retorno da CBF”, colocou o advogado.

 

Mesmo assim, a relatora e os auditores decidiram por punir Petraglia. É a segunda vez que o Athletico passa pelo banco dos réus no STJD. Em abril, o presidente Luiz Sallim Emed foi absolvido da suspensão de 360 dias imposta pelo TJD-PR por consequência de descumprimento de liminar no primeiro Atletiba do ano, na Arena da Baixada. Nessa ocasião, o Clube foi multado em R$ 50 mil. A decisão de hoje ainda cabe recurso no Pleno do Tribunal.

Veja também