TRÉTIS SCOUT: ANÁLISE DE ATHLETICO 0X1 SANTOS

Compartilhe

Confira a análise individual dos jogadores do Furacão

Os critérios levam em conta: Nota SofaScore, influência no jogo, erros individuais, jogo com e sem a bola e desempenho defensivo e ofensivo. O atleta precisa estar em campo 15 minutos (mínimo para avaliação).

Santos: 6.5
O goleiro atleticano, quando foi exigido, cumpriu sua função com boas intervenções, não teve culpa no gol sofrido.

Zé Ivaldo: 7.0
Zé Ivaldo foi muito bem novamente, sendo seguro defensivamente e ajudando no ataque com chances perigosas.

Thiago Heleno e Nicolas Hernández: 6.0
Ambos foram muito bem nos duelos individuais e no jogo aéreo, também não tiveram culpa no gol sofrido.

Marcinho e Abner: 6.5
Os alas do Furacão cumpriram sua função dentro do jogo, colaboraram defensivamente e tiveram boas subidas ao ataque.

Erick: 7.0
Erick fez uma grande partida, sendo muito eficiente na defesa e chegando ao ataque para ajudar nos avanços do rubro-negro.

Christian: 6.5
O jovem volante auxiliou a movimentação no meio-campo e também atacou bem quando necessário.

Terans: 6.5
O armador do Furacão fez outra boa partida, criando chances e finalizando a gol. Sua nota seria maior, porém errou um gol incrível no segundo tempo.

Renato Kayzer e Pedro Rocha: 7.5
Ambos foram os melhores em campo, criando chances, se movimentando bem, finalizando e servindo os companheiros. Tiveram azar de encontrar a trave e o inspiradíssimo goleiro santista.

Nikão: 6.5
O herói atleticano da última quarta-feira entrou bem no jogo, sendo influente e criando chances para o Athletico.

Khellven, Léo Cittadini e Bissoli: 6.0
Entraram no segundo tempo e não tiveram participação direta na partida.

Veja também